terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Memorização de nomes e rostos - PARTE I

TÉCNICA BÁSICA

    Muitas pessoas dizem esquecer facilmente os nomes das pessoas. Quantas vezes você já passou pelo constrangimento de estar conversando com uma pessoa que você convive diariamente e se esqueceu de seu nome? Em minhas palestras e seminários sobre memorização, frequentemente escuto a seguinte frase: “Comigo acontece algo engraçado: eu geralmente me lembro com clareza do rosto da pessoa. No entanto, o nome dificilmente vem à minha mente.” Isso acontece por alguns motivos:


•    Geralmente, não nos esquecemos dos nomes das pessoas. Para nos esquecermos de algo, é preciso que, ao menos uma vez, tenhamos sabido aquela informação. Na maioria das vezes, você simplesmente NUNCA soube o nome daquele colega que trabalha ao seu lado. Ou então, ouviu apenas uma vez o nome daquela pessoa, mas estava preocupado demais com outras coisas para sequer prestar atenção àquele nome para, posteriormente, poder evocá-lo com precisão.
•    Identificar um rosto é uma tarefa de reconhecimento. Em contrapartida, lembrar-se de um nome é uma tarefa de recuperação de informação. Reconhecer é bem mais fácil que evocar com precisão alguma informação. Posteriormente, escreverei sobre experimentos envolvendo tarefas de reconhecimento.
•    Suponha que você acaba de conhecer uma pessoa e ela diz seu nome duas vezes. Posteriormente, vocês se reunem por 60 minutos em uma reunião de negócios. Após a reunião, você terá visto o rosto dessa pessoa por 60 minutos ininterruptamente. Infelizmente, seu nome, foi pronunciado em apenas alguns segundos.

Diante de tudo isso, podemos compreender que saber o nome das pessoas não é tarefa fácil. Veja a seguir algumas técnicas bastante eficazes para tornar esse tipo de esquecimento em algo bastante.
A primeira regra para começar seu treinamento de memorização de nomes é: criar um interesse pelo nome da pessoa. Naturalmente, nos lembramos daquilo que nos interessa. Por exemplo, suponha que você acaba de conhecer duas amigas em uma festa, das quais apenas uma lhe interessa. Obviamente, o nome da menina que lhe interessa fixará mais facilmente em sua mente que o nome da outra amiga. Desse modo, crie o hábito de : ouvir bem o nome dessa pessoa. Parece simples, mas as pessoas não costumam fazer isso. Todo mundo gosta que os outros mostrem interesse pelos seus nomes. Assim sendo, não tenha receio em pedir para a pessoa repetir um nome, caso você não tenha ouvido bem. Alguns nomes possuem grafia dupla ou complicada. Sempre que achar necessário, cesse suas duvidas sobre a grafia do nome. Caso seja um nome diferente, comente o fato. Nomes diferentes geralmente fixam melhor em nossa memória que nomes muito comuns. Procure introduzir ocasionalmente o nome no meio da conversa. Sempre despeça da pessoa repetindo o nome dela.
    Apenas essa dicas já provocará uma melhora surpreendente na sua capacidade em memorizar nomes. A seguir serão ensinadas dicas para tornar sua capacidade de memorizar nomes de pessoas em algo extraordinário. Oras, mas como ser capaz de memorizar o nome de dezenas de pessoas em alguns minutos? Certamente, para o homem-memória, serão necessárias algumas técnicas mais poderosas.

2 comentários:

Lú Voigt disse...

Interessantíssimo!!!!!Suas dicas são ótimas e eficazes. Comprei o livro Mentes Brilhantes e estou aplicando em meus estudos.
Sou acupunturista e tenho que estudar muito. Com suas técnicas minha vida ficou muito mais fácil. Obrigada!!!

Thiago Mota disse...

Alguém me recomenda um PDF bacana e gratuito com técnicas de memorização?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...