quarta-feira, 16 de outubro de 2013

O que é o transe hipnótico?


A palavra transe é popularmente utilizada para identificar um estado anormal da mente. Além dessa definição, o termo transe hipnótico costuma ser utilizado para descrever certos estados alterados de consciência que iogues, médiuns ou xamãs costumam atingir após dominarem as técnicas de meditação.


            Essas definições têm conotações negativas no sentido de que elas implicam uma perda da consciência e da vontade individual, como se o transe fosse um estado completamente disfuncional da mente. No entanto, como dissemos anteriormente, entramos em transe hipnótico várias vezes ao longo do dia. Experimentamos o transe hipnótico quando nos pegamos sonhando acordados, dançando, ouvindo uma música, lendo um livro ou até mesmo assistindo televisão. Além disso, um transe pode ser induzido ao focarmos nossa atenção em uma imagem, foto ou o som da voz de alguém. Até mesmo sessões de relaxamento, massagem e banhos quentes podem nos deixar em transe hipnótico.
            Caso você seja religioso, provavelmente você já participou de alguma oração ou até mesmo canção de louvor na igreja e sentiu-se completamente envolvido pela sua fé e devoção. Mais uma vez, você se encontrava sob transe hipnótico. Entenda: hipnose é sinônimo de alto grau de concentração. Então, estar hipnotizado enquanto trabalha, durante uma oração ou até mesmo durante uma sessão de relaxamento é algo extremamente natural.
            A única diferença entre o transe hipnótico a que nos submetemos diariamente e uma sessão de hipnose propriamente dita é o direcionamento e objetividade. Uma sessão de hipnose possui hora marcada e objetivos bem definidos. Quando utilizada por um profissional sério, a hipnose é capaz de eliminar a dor e até mesmo diminuir sangramentos após cirurgias.

O poder da música

            A música exerce um grande efeito sobre o nosso comportamento. Músicas rápidas costumam nos deixar alertas e cheios de energia. Aliás, quem já malhou ao som da trilha sonora do filme Rocky Balboa certamente sabe do que estou falando. A música pode facilitar a nossa motivação para o exercício, aumentar nossa resistência, concentração e motivação.
            Em contrapartida, musicas lentas e tranquilas costumam nos relaxar. Adeptos da meditação ou Yoga frequentemente utilizam alguma música relaxante para realizar suas atividades. Sons da natureza também costumam ser utilizadas nessas atividades. Sons que emanam do oceano, o chilrear dos pássaros, o barulho da chuva em uma floresta ou o sussurro do vento através das árvores costumam nos deixar serenos e calmos. Aliás, por milhares de anos, canções de ninar ter ajudado crianças não apenas a adormecer, mas também para acalmá-las.
            Assim, quando possível, procure incorporar alguma música instrumental tranquila como pano de fundo de suas sessões de hipnose ou auto-hipnose. Ao criar suas próprias gravações de auto-hipnose, também é interessante que você escolha alguma música bem relaxante para ajuda-lo a entrar no transe hipnótico. 

7 comentários:

Samej Spenser disse...

Olá Alberto.

Quero aqui deixar registrado meus parabéns pelo excelente texto. De forma simples, direta e objetiva, você conseguiu explicar a beleza e simplicidade do transe hipnótico.

Não sei se você já leu meu artigo sobre esse assunto. Mas independente de ter lido ou não, penso que um complementa o outro.

Como é o Transe Hipnótico… O que é isso? | .: Samej Spenser :.

Novamente, meus parabéns! ;)
Samej Spenser.

Samuel galvão disse...

ñ consegui visualizar a publicação sobre mentalismo

Alberto Dell'Isola disse...

Samej, realmente não tinha lido seu texto. Obrigado pela contribuição. Lhe enviei um e-mail perguntando se você deseja participar de nosso hangout nessa sexta as 22h.

Abs!

Alberto Dell'Isola disse...

Samuel, qual postagem deu problema? Qual problema? Não percebi aqui.

Samuel galvão disse...

eu acho que o problema era no meu celular mesmo, porque entrei no meu computador agora e consegui visualizar, a postagem que eu to falando é a do dia 14/10/13 sobre mentalismo

Alberto Dell'Isola disse...

Que bom que deu certo Samuel! Estou contando com sua presença na nossa twitcam! Chame seus amigos!

Samej Spenser disse...

Olá novamente Alberto.

Fiquei com uma pequena dúvida agora…
Na resposta ao meu comentário, você falou sobre um hangout hoje, (18/10/2013). Já na resposta ao Samuel, você citou uma twitcam.

Qual dos dois serviços será utilizado, twitcam ou hangout?

Abraços.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...